São Paulo Cia de Dança 2015

ASSINATURAS Temporada 2015

 

Para aquisição da Assinatura, por favor, entre em contato no nº (11) 3224-1383.

 

Em 2015 a São Paulo Companhia de Dança apresentará obras que vão do clássico ao contemporâneo, em séries marcadas pela diversidade e pelo ineditismo. Com cinco diferentes programas, a São Paulo fará quatro estreias e duas remontagens de grandes nomes do universo da dança, além de peças de sucesso que compõem o repertório da companhia. A ideia que organiza essa temporada parte das influências e dos modos de pensar o mundo em movimento, se deixando permear pelos distintos olhares dos criadores. Em 2015, colocamos lado a lado obras que revelam culturas distintas, provocando um pouco o olhar para perceber o quanto da cultura está impressa em nossos gestos e, ao mesmo tempo, buscando entender como diferentes culturas se inscrevem no nosso corpo. 

 

A brasileira Marcia Haydée criará Dom Quixote, um balé clássico a caráter que encanta e diverte diferentes plateias, inspirado na novela do espanhol Miguel de Cervantes (1547-1616). Marcia é uma estrela da dança brasileira com consagração internacional. Dançou no Balé do Marquês de Cuevas, e no Stuttgart Ballet foi uma das grandes estrelas de John Cranko. Após a morte de Cranko, Marcia dirigiu a companhia por vinte anos e atualmente é diretora do Ballet de Santiago, no Chile. O argentino Mauricio Wainrot é diretor do Ballet Contemporáneo del Teatro Saint Martín e fará uma criação especial para a São Paulo. E faremos uma noite especial com três obras, de diferentes fases, da carreira do coreógrafo tcheco Jirí Kylián: estrearemos Indigo Rose (1998) e reapresentaremos Petite Mort (1991) e Sechs Tänze (1986). Kylián é o coreógrafo que marcou a história do Netherlands Dance Theatre, criando obras de alcance internacional, ao dirigir a companhia por 23 anos. Workwithinwork (1998) de William Forsythe, é a segunda obra desse artista remontada para a Companhia e estreia na Temporada de Assinaturas 2015.

 

O coreógrafo brasileiro Clébio Oliveira participa do Ateliê de Coreógrafos Brasileiros. Clébio vive em Berlim desde 2008 onde desenvolve trabalhos de dança contemporânea. A SPCD ainda estreará outra criação (à definir) neste programa. Nos caminhos trilhados pela Companhia e seus artistas convidados – estado de São Paulo, Brasil, Argentina, Chile, Alemanha, Espanha, França, Holanda, Tchecoslováquia - temos um mapa afetivo que marca a trajetória desses criadores que fazem parte da nossa história.

 

Junte-se à SPCD em mais uma temporada de espetáculos!.

 

Identificação

  1. Nome
  2. CPF/CNPJ
  1. Digite abaixo seu Login, Email ou CPF